segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Destemperos


A vida anda ventando
Alguém surge como encantamento
Entre promessas e abraços
Surgem afagos convites aparecem.

Café preto com pão e doces
Alimentos puros do momento
Na cultura da alimentação
Teu beijo é meu leve alimento.

Há destempero pelas ruas
Rumos e estradas distantes
Caminhos que talvez se cruzem
Nessa viagem que chamamos vida.

Vany Campos
20-9-2014