segunda-feira, 15 de setembro de 2014

ENTRE PARÊNTESES


Entre um parêntese agradável
Que grava lapsos de lembranças
Esperam uma brisa fresca para
Firmar nosso apreço

Entre vendavais insensíveis
Enfrenta crises do tempo
Tudo se dissipa voláteis insensíveis
Voando nas asas do vento

Vacilam atitudes á tarde
Em meu ser tudo se derrama
Azul delicado como o carinho
Me lembra que, ainda sonho!

Vany Campos
14/09/2014

[Arte de Kinuko Craft]